.

(Atualizado) Moto G 2015 - Todos os detalhes sobre o novo smartphone da Motorola!

Sites internacionais já divulgaram suas especulações sobre as especificações do Moto G 2015, que deve apresentar muitas melhorias em relação ao modelo anterior.  Confira neste artigo todas as novidades, rumores e vazamentos a respeito da terceira geração do Moto G.



Segunda Atualização do Post:  
preços, especificações, datas para lançamento, novas imagens;

Proximo do lançamento do Moto G 2015, muitas novidades sobre o dispositivo estão vazando na rede, tais como o possível preço e a data de lançamento, as especificações técnicas e imagens que entregam o design da terceira geração da série de gama média da Motorola. Abaixo, você confere tudo o que já foi publicado sobre o Moto G 2015 e pode ter uma ideia do que esperar deste anúncio.

Nota: O artigo foi inteiramente reformulado com os últimos rumores sobre o Moto G 2015.
Moto G 2015 - Lançamento e disponibilidades

Um tuíte do Presidente da Motorola, Rick Osterloh, revelou que a companhia vai manter o ciclo "mais ou menos" anual de lançamentos, "Tentamos manter um ciclo mais ou menos anual para os nossos produtos, incluindo o Moto X":
Depois, o Presidente da Lenovo, Yuanqing, confirmou para o jornal The Telegraph que "muitos modelos novos com a marca Moto estão em fase de desenvolvimento. Portanto vocês poderão ver neste verão o lançamento de alguns produtos muito empolgantes, incluindo smartphones e relógios".
Agora, foi a vez do pessoal do Tecnoblog ter acesso a uma informação exclusiva sobre o lançamento do dispositivo: a Motorola deve antecipar o evento para o final deste mês. De acordo com o site, a fabricante contratou uma agência para realizar o evento de lançamento na manhã do dia 28 de julho no bairro da Vila Olímpia, em São Paulo. Caso isso seja confirmado, a apresentação do Moto G durante a IFA 2015 pode ser descartada.
Ainda segundo a fonte do site, a Motorola cobrará R$ 929,00 pelo novo Moto G na versão dual-SIM, e R$ 949,00 pelo modelo dual-SIM com TV digital. Esse valor é 200 reais mais caro do que custava o Moto G 2014 na época de seu lançamento. A tática de subir preços já foi utilizada pela Motorola com o Moto E 2015, que chegou mais caro que seu antecessor. 

Moto G 2015 - Tela

Em março, uma fonte do site Motorola India Fans afirmava que a tela da terceira geração do Moto G deveria ter uma diagonal de 5,2 polegadas, com resolução de 1080 x 720p e um aumento na atual densidade de pixels por polegada da linha, que sairia de 294 ppp para 318 ppp. No entanto, o canal Moto G3, afirmava que a resolução da tela do Moto G 2015 será Full HD (1920x1080p).

Porém, depois do vazamento de um possível vídeo hands-on do Moto G 2015 e do vazamento de algumas especificações técnicas do mesmo, as chances de vermos o novo mid-range com uma tela de 5 polegadas, resolução de 1280 x 720p e 320 ppp são bastante grandes.


Com isso, a Motorola irá manter praticamente as mesmas características de tela do modelo anterior do Moto G e deve estar respirando aliviada pelo fato da Xiaomi trabalhar apenas o Redmi 2 por pelo menos um ano até colocar outro dispositivo no mercado. Vale lembrar que o recém lançado Mi 4i é um aparelho que concorre diretamente com o Moto G 4G na China em relação ao preço, mas possui um benefício superior. O smartphone da fabricante chinesa possui uma tela Full HD e especificações de hardware superiores às dos atuais modelos Moto G.

Moto G 2015 - Performance

Ainda de acordo com o Motorola India Fans, o Moto G 2015 deveria ser embalado por um processador Snapdragon 615, octa core, de 64 bits, possuir 2 GB de memória RAM e oferecer suporte para 4G e Wi-Fi 802.11ac. Outra informação que vem sendo disseminada na rede é que o novo Moto G poderia ser embalado pelo SoC Snapdragon 610, alguns site citam como fonte desta informação o GadgetRaid e outros o Day Herald.
Contudo, em vídeo, o pessoal do HDblog informa que a CPU do Moto G 2015 será de 64 bits, porém com desempenho inferior ao que vazou nos outros dois sites citados acima. Assim, o aparelho deve realmente usar um chipset da Qualcomm, mas será o Snapdragon 410 MSM8916, quad core, a 1,4 GHz de frequência, assim como o Moto E 2015. A capacidade de RAM também deve ser mantida, conforme os rumores atuais, ou seja, 1 GB.

Moto G 2015 - Especificações técnicas

O vídeo abaixo foi divulgado no dia 21 de junho, pelo pessoal do HDblog, que garante que este é um protótipo do Moto G 2015. Nele é possível ver as especificações técnicas do dispositivo identificado como "MotoG3" através do aplicativo CPU-Z.


Fonte: AndroidPIT


Primeira Atualização do Post: 

Novas declarações do Presidente da Lenovo indicam que o novo Moto G pode ser lançado antes do esperado. Veja mais detalhes na seção "Moto G 2015: lançamento e disponibilidade".

Moto G 2015 - Lançamento e disponibilidade!

Quem estava esperando um novo Moto G ainda no primeiro semestre vai se decepcionar. Um tuíte do Presidente da Motorola, Rick Osterloh, revelou que a companhia vai manter o ciclo "mais ou menos" anual de lançamentos:
"Tentamos manter um ciclo mais ou menos anual para os nossos produtos, incluindo o Moto X". Apesar de estar falando do Moto X, podemos levar em conta esse ciclo anual de lançamentos e apostar na apresentação do Moto G em setembro de 2015, durante a IFA 2015.
Será que o Moto G terá um ciclo de lançamentos diferente do Moto X? Pelo menos é o que sugere um recente vazamento. Com efeito, o Moto G 2015 surgiu no site de uma loja online indiana, a Flipkart. A página do dispositivo no referido site não traz muitas informações. São mostrados apenas um estranho número do modelo (AP3560AD1K8), a cor em que estará disponível (branca) e o armazenamento interno de 8 GB:
A página do Moto G 2015 no Flipkart. Lançamento próximo? / © Flipkart


Esse vazamento indica um teste para a efetiva página do dispositivo, mas será que o Moto G 2015 pode mesmo chegar antes de setembro?
Atualização: Parece que o ciclo "mais ou menos" anual de lançamento pode pender mais para o "menos". O Presidente da Lenovo, Yuanqing, confirmou para o jornal The Telegraph que "muitos modelos novos com a marca Moto estão em fase de desenvolvimento. Portanto vocês poderão ver neste verão o lançamento de alguns produtos muito empolgantes, incluindo smartphones e relógios". Ora, o verão no hemisfério norte vai de 21 de Junho a 23 de Setembro. Essa seria uma indicação de que podemos mesmo ver o novo Moto G antes de Setembro.
Além disso, Colin Giles, Diretor de Vendas da Motorola, revelou a estratégia a ser adotada pela empresa: investir mais e concentrar-se nos mercados em que já é forte (o brasileiro é um dos principais para a companhia). Podemos supor, dessa forma, que os mercados já estabelecidos ganharão mais opções de dispositivos. O plural de "relógios" na fala do Presidente da Lenovo sugere mais de um smartwatch para este ano, por exemplo.

Moto G 2015 - Especificações técnicas

O site Motorola India Fans, divulgou as supostas especificações do Moto G de terceira geração. De acordo com o site, a Motorola deve embalar o dispositivo com o processador Snapdragon 615 octa core de 64 bits, suporte ao 4G e Wi-Fi 802.11ac. Confira as especificações divulgadas pelo site abaixo:
TELA5,2 polegadas HD (720X1080, 318 ppi)
PROCESSADORSnapdragon 615, octa core, 1.7GHz
RAM2GB
GPUAdreno 405
CÂMERA10 MP (traseira) Gravação 1080p 30fps/ 5MP (frontal)
As informações sobre a capacidade da bateria ficaram por conta do site Moto G3, que aposta em 2500mAh devido à presença do 4G no dispositivo. No entanto, o site em questão afirma que teremos uma resolução fullHD (1920x1080p) para a tela do Moto G 2015.
Estes são os rumores vazados até agora sobre o Moto G 2015. Abaixo você pode votar na nossa enquete e escolher o que deseja ver na terceira geração do dispositivo:

Enquete: O que você quer ver na terceira geração do Moto G?

Em 2013, a Motorola revolucionou o mercado ao lançar um smartphone mid-range com preço e hardware extremamente competitivos. Em 2014, a fabricante optou por fazer um upgrade das especificações mais básicas do dispositivo original e manteve o modelo de gama média entre os melhores. Entretanto, com o anúncio do Samsung Galaxy A5 4G Duos e da versão mid-range do Asus Zenfone 2, a Motorola precisa rever o projeto Moto G em 2015 para continuar no bolso dos usuários brasileiros. Neste artigo, você confere 6 principais mudanças que a fabricante deve trazer na terceira geração do Moto G para continuar na liderança do mercado de dispositivos intermediários neste ano.

1. Tela Full HD

Com a introdução de telas com qualidade QHD nos dispositivos high-end em 2014, a tendência é vermos também o aumento das resoluções das telas de smartphone mid-ranges e low-ends. Se pegarmos a versão compacta do Zenfone 2, por exemplo, que possui variante HD (720p) e Full HD (1080p), o Moto G 2015 sairia atrás se mais uma vez oferece uma tela de 720 pixels. Para continuar nesta corrida, uma tela de 1080 pixels já colocaria o novo intermediário da Motorola entre os primeiros, visto que a Sammy não apostou nesta resolução ao colocar um dispositivo como Galaxy A5 no varejo nacional e a futura chegada do Zenfone 2 ao país ainda é incerta.

2. Processador competitivo e memória RAM de 2GB

Para continuar competitivo o Moto G deve chegar embalado por um processador de 64 bits.

O Snapdragon 400, mesmo quad core, será ultrapassado no final deste ano, especialmente se olharmos para a tendência dos processadores de 64 bits. Desta forma, a Motorola terá que optar por fazer o upgrade do chipset da terceira geração do Moto G, e a melhor opção parece ser mesmo o Snapdragon 410 para se manter no nível dos smartphones de gama média deste ano, caso contrário poderia sustentar um Snapdragon 615 e permanecer acima da média. Além disso, a fabricante terá que dizer adeus aos 2GB de memória RAM, pois mesmo oferecendo um software mais enxuto que as demais fabricantes presentes no mercado nacional, a exigência da memória volátil em um mid-range é maior nos tempos atuais, não apenas para multitarefas, mas também para o uso de gráficos avançados.
3. Maior Capacidade de bateria
Ao anunciar a segunda geração do novo Moto G 4G, a fabricante já se viu obrigada a aumentar a bateria do dispositivos de 2070mAh (versão original) para 2.390mAh. Logo, a terceira geração do Moto G deve vir com uma bateria de pelo menos 2.700mAh, visto que o Zenfone 2 mais simples chegará com 3.000mAh. Outra característica que chamaria bastante a atenção no quesito energia seria o suporte para o carregamento Turbo da Motorola, o qual oferece 8 horas com apenas 30 minutos de tomada, mas aí seria uma aposta bastante grande da fabricante e que acabaria elevando ainda mais o patamar do mercado dos mid-ranges.

4. Câmera principal com sensor de 13MP

A Samsung chegou na frente e lançou o Galaxy A5 4G Duos, um dispositivo intermediário com uma câmera com sensor de 13MP, capaz de focar imagens de forma extremamente rápida e com configurações avançadas. Neste quesito, a Sammy resolveu elevar as especificações de câmera dos celulares de gama média e a Motorola deverá se adaptar ao mercado ou continuar sustentando um software pobre e um sensor satisfatório e perder espaço entre os usuários.

5. Suporte para 4G

Continuar lançando o mesmo dispositivo em variantes 3G e 4G será ultrapassado em 2015. Quem usa celular há pelo menos dois anos sabe que a internet de 4ª geração oferece uma experiência de transferência de dados superior e a Motorola já não é a única jogadora do custo/benefício no país. Assim, ou o suporte para 4G chega com o lançamento do Moto G 2015 ou os usuários irão migrar para outras marcas que oferecem tal recurso pelo mesmo custo da linha Moto.

6. Manter o preço competitivo

Por fim, além de oferecer um software enxuto, a marca registrada dos Moto G é o preço competitivo. De nada adianta a fabricante colocar uma super-máquina entre os dispositivos intermediários no mercado se não conseguir manter o custo/benefício do mesmo. Logo, a Motorola terá que manter o preço entre os 600 e 800 reais, pois enquanto a Samsung oferece seus modelos acima dos mil reais, a ASUS já mostrou a que veio com o Zenfone 5 e vai continuar com um preço agressivo para continuar conquistando usuários. Por fim, com a entrada recente da Motorola na China possibilitada pela compra pela Lenovo, não vejo motivos para a fabricante pensar em inflacionar o preço da sua linha de maior sucesso em território nacional.
E aí, qual é a sua opinião? Participe da enquete abaixo escolhendo até três mudanças que você gostaria de ver no Moto G 2015.
Fonte: AndroidPIT
Compartilhar no Google Plus

Sobre: Antonio Junior

    Comentários do Blogger
    Comentários do Facebook

0 comentários :

Postar um comentário

.
.

REPORTAGENS

.
.
.